quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Panda da Kung Fu(são)


Faz hoje cerca de uma semana que decidi ir ao cinema ver um filme de animação para crianças, o “Panda do Kung Fu”.
Não é do filme que quero falar...mas sim da minha nova experiência...ir assistir com duas crianças (a Mariana de 9 anos e o Diogo de 5 anos).

Já não é a primeira vez que levo crianças ao cinema, mas nunca duas ao mesmo tempo!

Na primeira parte do filme estiveram as duas muito concentradas (principalmente o Diogo), fizeram vários comentários e deram grandes gargalhadas.
No intervalo, um pequeno caos começou a instalar-se naquela sala...correrias...gritos...pipocas "voadoras"...pequenos “teatrinhos” perto do ecrã de cinema...etc.
Ainda temi o pior...mas não...assim que começou a segunda parte tudo voltou ao normal...voltou a concentração.
No final do filme...e ao sair da sala...senti que a confusão poderia voltar...e, como precaução, decidi não entrar na Fnac para comprar um cd que queria muito.
Achei melhor ir entregar, rapidamente, os dois “pestinhas” aos pais! (rsrs)

Resumindo, gostei muito desta experiência “radical” (gosto da confusão das crianças...e confesso que adoro também provocar confusão com elas)...e penso que os meus pequenos amigos também apreciaram a minha companhia.

Por mim, a repetir!
Mariana e Diogo...e vocês?

“Continuem a frequentar estas areias…”

4 comentários:

Anónimo disse...

Ah, já percebi como é que isto funciona!!!! As nossas mensagens nunca aparecem na página principal, mas apenas como comentários àquilo que escreveste... É assim não é Pedro? Beijinhos da burra informática.

maddie disse...

Mas afinal gostaste do filme ou não? Tenho uma certa curiosidade.

Beijocas
Madalena

Pedrinho disse...

Sim Madalena...gostei bastante do filme. Foi uma surpresa para mim.
Por falar em cinema, temos que combinar ir ver um filme novamente!!...com jantar incluído, ok?

Bjos

PipaPi disse...

Olá Pedro.
Passei nas tuas areias quentes e acho o máximo a quantidade de programas culturais que vais fazendo. Que inveja (no bom sentido)! A mim costumam-me faltar duas coisas essenciais...
Em relação a ir com crianças há qq coisa de mágico na sua companhia. Adorei ver o filme "Finding Neverland" sobretudo pela alusão que faz às crianças que assistem à peça de teatro. Recomendo.
Gostei ;)