segunda-feira, 13 de outubro de 2008

“O Regresso”

Ainda não sei se já me sinto totalmente motivado para voltar a escrever todos os dias…mas uma coisa é certa…deu para perceber, durante este tempo de afastamento, que preciso do conforto destas areias. E, por isso, quero continuar!

Talvez não seja assim tão relevante saber se todos gostam ou não deste blogue ou até mesmo se é diariamente acompanhado por anónimos e por aqueles que conheço pessoalmente.
No fundo, acho que o mais importante foi ter encontrado um local onde me sinto bem para escrever sobre assuntos e pessoas que fazem parte deste “meu mundo”...ou até simplesmente só para desabafar.

Gostaria de agradecer todos os “comentários” e palavras de apoio que recebi de alguns de vocês…acreditem que foram muito importantes…muito estimulantes.

É possível que, no futuro, estes desânimos voltem a acontecer…mas, hoje, "voltei a caminhar sobre estas areias".

5 comentários:

Eduardo Fraga disse...

Viva Pedro,

Ainda bem que estas de volta.

Duas boas noticias em dois dias seguidos.

Primeiro, ontem fomos pela primeira vez ao cinema aqui na Alemanha (versao original claro) ver o utltimo dos irmaos Coen.

E sengundo, o regresso do teu blog.

A semana esta a comecar bem...

Um abraco,

Edu 2008

PS- Sim os acentos estao cada vez mais ausentes. Daqui a nada ganho um Premio Nobel.

http://carpediemaproveiteodia.blogspot.com/ disse...

“Não deixe que seus medos tornem-se obstáculos no caminho de seus sonhos”
Um ótimo regresso.
Beijos.

Di Napoli disse...

Só tens é que continuar, irmão.

E não é "tens" como se fosse uma obrigação! Não: é "tens" como um escape, um prazer, uma outra forma de nos ires mostrando o que te vai na alma. Acho eu.

E, já agora, se porventura a areia escaldar, das duas, uma: ou pões-te à sombra, ou vais ao banho. Né? :)

Abraço!

Anónimo disse...

Men,

atira-te!!!!!!!

007

MaLLu disse...

Boa :)
E posso fazer uma encomenda de um post? Preciso que me indiques BONS restaurantes indicanos em Lx :)
Bjs